O comércio eletrônico no Brasil já é uma realidade no cotidiano das pessoas comuns e já movimenta alguns bilhões de reais por ano. A maioria dos usuários da internet fazem, já fizeram ou pretendem fazer compras online de algum produto. Embora muito se fala em números e volumes, pouco se fala em todo processo de como criar uma loja virtual na internet e vender diversos tipos de produtos.
A maioria dos empreendedores que desejam iniciar seu próprio comércio eletrônico pensam inicialmente que é um grande investimento, seja na criação de uma loja virtual ou em produtos para vender na internet. A verdade é que os aspectos que envolve a criação de lojas virtuais é mais simples e acessível do que muitos imaginam.

Neste artigo iremos mostrar alguns detalhes que irão lhe ajudar a criar sua loja online.

PENSE NO QUE VENDER
O primeiro passo ao criar uma loja virtual é ter em consideração em que vender. Como o comércio eletrônico envolve pouco ou nenhum espaço físico, é possível vender quase todo tipo de coisa. Mesmo para pessoas que já trabalham com um determinado tipo de produto, na internet é possível expandir os negócios e com isso ganhar mais dinheiro tendo uma diversidade de produtos a venda.
Você pode explorar diversos nichos de mercado, seja de beleza, moda ou eletrônicos. Quem sabe você queira criar uma loja virtual de roupas de marca, uma loja virtual de roupas femininas, roupas masculinas ou roupas infantil. Pode também vender perfumes de marca pela internet em sua loja virtual e ainda atuar no mercado vendendo celulares, tablets e diversos tipos de eletrônicos pela internet em sua própria loja virtual.

COMO CRIAR UMA LOJA VIRTUAL?
A algum tempo, o processo de criação de lojas virtuais na internet era restrito à pessoas que possuíam um conhecimento mais avançado em programação e webdesign. Muitos desses profissionais e empresas cobravam um preço muito alto para o serviço, tendo como clientes apenas pessoas que tinham uma certa quantidade de capital para investir. Lógico que esse método está ainda mais acessível, porém existem meios ainda mais compatível com empreendedores que possuem menos recursos.
Atualmente há na internet diversos sites especializados em templates de sites, que nada mais são do que sites prontos para venda por preços fixos. Essas templates não possuem personalização para cada cliente, porém a diversidade de modelo acaba criando uma identidade diferente para cada nova loja virtual.
Os melhores sites de venda de templates que nós da Agência Alternative oferecemos são:

Dynamo

– OpenCart

WordPress  com um plugin de e-commerce.

Adquirindo o templates , você precisará registrar um domínio .com ou .com.br e de um servidor de hospedagem para que sua loja funcione e esteja disponível para seus clientes comprarem 24h por dia 7 dias na semana.

Escolha a plataforma
Existem hoje no mercado várias plataformas gratuitas disponíveis para você criar sua loja virtual na internet, destacando-se o Magento, o Prestashop e o WordPress. É importante que você escolha a que seja mais viável para seu negócio, analisando as funcionalidades e opções disponíveis em cada sistema e também se você terá facilidade na hora de inserir os produtos para vender na internet.
O magento é o maior e mais completo sistema que você pode criar sua loja virtual. O Prestashop é um pouco mais simples mas não deixa nada a desejar. O WordPress, através de plugis de comércio eletrônico, está ganhando cada vez mais destaque nesse mercado, trazendo toda o poder da plataforma agora para o comércio eletrônico. Muitas pessoas já tem escolhido criar uma loja virtual com o wordpress ao invés dos outros sistemas.
Além dessas soluções gratuitas, logicamente existem as soluções pagas. São sistemas que são desenvolvidos especificamente para cada cliente ou alguma empresa desenvolve sua própria solução para comércio virtual.

Módulo de pagamentos
É muito importante que você escolha bem o módulo de pagamento que sua loja irá utilizar. Embora ainda haja algum receio quanto à cartões de crédito na internet, a maioria dos clientes preferem realizar suas compras com cartão de crédito devido à segurança em caso de não entrega do produto. É justamente o que você irá proporcionar utilizando um Gatway de pagamentos. Recomento a utilização do Bcash (antigo Pagamento Digital) do Buscapé, o MoIP (da IG) o bom e velho PayPal.
Com essas ferramentas, você poderá parcelar as compras de seus clientes em até 12x nos cartões de crédito. Terá também as opções de boleto e depósito em conta. Por outro lado o cliente terá uma segurança de 15 dias, podendo cancelar a comprar junto à essas empresas caso o produto não seja entregue. Mesmo o cliente pagando parcelado, você receberá o valor integral após esse período de 15 dias apenas descontadas as taxas de cada plataforma.

Logística
Logicamente, se você for vender um produto você precisará entregá-lo ao seu cliente. Possuir conhecimento sobre o funcionamento das entregas pode ignificar uma grande vantagem entre seus concorrentes. Se você utilizar os correios, por exemplo, deverá configurar o módulo de entregas em sua loja virtual, que é disponível gratuitamente para diversas plataformas incluindo as descritas acima. Na hora da compra, automaticamente o cliente terá os valores, opções e prazos para a entrega do produto em seu endereço.
Marketing e divulgação
Sua loja virtual não será nada sem que uma ampla divulgação aconteça. Se você não é conhecido, obrigatoriamente terá que realizar constantemente ações de marketing e promoções para conseguir novos clientes e fidelizá-los. Campanhas online no Google AdWords ou anúncios no Facebook são ótimas escolhas. Também há a opção de ofertas coletivas e essa é uma excelente estratégia para iniciar uma loja virtual, servirá para atrair novos clientes com o preço baixo e assim sua loja ficará mais conhecida. Logicamente que existe os métodos de divulgação tradicionais, como panfletos e banners.

E você?
Como você criaria sua loja virtual? Tem alguma estratégia que desejaria aplicar?

Agora que você conhece como funciona uma loja virtual, contrate a Agência Alternative, nós lhe daremos um grande suporte!